Login
Artigos Semanais
Esposos Eternos
08/01/2014

Querido estudante, se permita mergulhar nas fibras mais intima de teu Ser e se encontrar em profundo deleite com essa que é tua mãe, a Mãe Divina.

"Eu sou a Sabedoria e estou desposada com o Perfeito Invisível.

"Meu Eterno Esposo possuía-me no princípio do seu caminho e muito antes de suas obras.

"Eternamente Ele teve o principado, desde muito antes do Sol, das estrelas e da Terra.

"Antes dos abismos, fomos gerados Ele e Eu por nós mesmos, surgidos da nossa própria vida eterna.

"Antes que fossem os mares das muitas águas.

"Antes que os montes fossem fundamentados.

"Antes que as nebulosas fossem mães de sóis e de estrelas.

"Quando nasciam do Ele e do Eu Eternos, os Céus se estendiam como dóceis sobre os abismos.

"Quando dávamos ordem às nebulosas para que dessem à luz seus filhos, os astros radiantes, a correrem como corcéis de ouro, em velocidades vertiginosas sem se encontrarem jamais, Ele e Eu Eternos já estávamos unidos.

"Ele e Eu Eternos, nascemos juntos. Geramo-nos e vivemos eternamente em amor.

"O Universo todo é d’Ele e Meu e o conhecemos como o homem conhece os dedos de sua mão.

"Eu, Sabedoria, esposa do Eterno Invisível, amo os que amam e buscam-me na aurora de sua vida e também na borda do sepulcro.

"Meu Eterno Esposo permite-me dar-me aqueles que me amam, porque meus véus de luzes e sombras deslumbram-nos e não podem ferir-me, fazer-me mal ou tocar-me. Apenas lhes é permitido ver-me como imagem refletida na fonte.

"Variedade infinita são os sóis e as estrelas a encherem os abismos, como também são as vidas a povoarem os sóis e as estrelas.

"Do ar, da água, do fogo e do pó foram feitos os mundos na noite Eterna, na qual dormiam os abismos, até que o Eterno Invisível e Eu geramos em soberano matrimônio, fomos nos amamos e espalhamos como cachos de frutos maduros os sóis e as estrelas para moradas eternas daqueles que em idades futuras deviam ser nossos amantes, nossos filhos, nossa continuação... nossa própria vida prolongada e renovada até o infinito.

"Não existe acima nem abaixo, não existe base nem teto, não há princípio nem fim nas obras nascidas d’Ele e do Eu Eternos. É o ilimitado.

"Vida, força, movimento, vibração, som e silêncio é tão só o existente e existirá ainda por todo o sempre.

"Tudo isso envolto, penetrado pelo fluído vital da Luz, que é o grande véu de ouro a cobrir ambos os Eternos, a darmos vida e mais vida a tudo quanto vive, sem que nossa força vital diminua jamais.

"Homem terrestre: do mesmo modo como foste desde o teu princípio, como és, serás, foram, são e serão os seres que povoam todos os globos a girarem, como borbulhas, nos abismos do infinito.

"Eu sou a Sabedoria, a Eterna amada do Eterno Invisível e Ele permite revelar-me aos que me amam e madrugando, me buscam.

"Homem terrestre: purifica teu coração, se esperas que eu te ame. Somente aquele que tem coração limpo poderá ver-me.

"Não te encerres no ovo negro depositado do pântano, como o crocodilo, que sem se mover, espera a presa para devorar: assim é o fanatismo e a soberba.

"Ele e Eu Eternos demos para teu uso três asas poderosas: entendimento, memória e vontade. Agita-as na imensidão e nos encontrará como também nos amará, e acenderá a tua lâmpada na nossa Luz e viverá a verdadeira vida, que é o Conhecimento, Paz e Amor para toda a Eternidade".

"Eu Salomão, filho de David, fui tomado como se toma um punção rubro e por invencível força, escrevi as determinações de Jeová".

Paz Inverencial.

Amor Incondicional.

Enio Chiappetti

Data
Artigos
As páginas deste site são acompanhadas com músicas que elevam a consciência.